QUARTA-FEIRA, 22 10 DE 2014

Finanças | 17:32

Arezzo no passo da Via Uno

Compartilhe:

Untitled-1A Arezzo está escaneando todos os números da Via Uno, calçadista gaúcha que está em recuperação judicial há mais de um ano e carrega um passivo de R$ 240 milhões.

 

 



QUARTA-FEIRA, 22 10 DE 2014

Finanças | 16:19

Royal Scotland Bank prepara sua entrada no Brasil

Compartilhe:

Untitled-1O Royal Scotland Bank está à procura de ativos bancários no Brasil. É ciceroneado por um ex-executivo de alta patente do finado Banco Real.

 

 



QUARTA-FEIRA, 22 10 DE 2014

Finanças | 15:14

Desfalque à vista no Gávea Investimentos

Compartilhe:

Untitled-1Não, o título acima não é uma referência a Armínio Fraga, já nomeado para o Ministério da Fazenda de um eventual governo Aécio Neves. Piero Minardi (foto), que comandava o private equity do Gávea Investimentos, deverá assumir o comando da Warburg Pincus no Brasil em janeiro, quando acabar sua quarentena. Melhor! Assim terá tempo para recrutar os executivos que pretende tirar da antiga casa. Procurada, a Warburg não quis se pronunciar.

 

 



QUARTA-FEIRA, 22 10 DE 2014

Finanças | 14:10

Que ano para a Fiat!

Compartilhe:

Untitled-1Além da marcha a ré no segmento automotivo, a CNH, divisão de máquinas agrícolas do Grupo Fiat, já acumula uma queda de 10% das vendas entre janeiro e setembro. Nada que não possa piorar um pouquinho mais até dezembro. Consultada, a CNH confirmou que "suas vendas acompanharam a tendência de queda do mercado".

 

 



QUARTA-FEIRA, 22 10 DE 2014

Finanças | 12:08

Zara versão doméstica

Compartilhe:

Untitled-1O espanhol Amancio Ortega (foto), dono da Zara, não se contenta em vestir os brasileiros. Quer também estar em suas casas. A Inditex, de Ortega, vai abrir cinco lojas da Zara Home no país em 2015, chegando a 12 pontos de venda. Recomenda-se à empresa, que teve o nome envolvido em denúncias de trabalho escravo, escolher bem os fornecedores das novas lojas. Consultada, a Zara não quis comentar as informações.

 

 



QUARTA-FEIRA, 22 10 DE 2014

Finanças | 11:21

Cana sem açúcar

Compartilhe:

Untitled-1O próximo balanço da Abengoa Brasil promete fortes emoções. A empresa estaria operando com um prejuízo mensal da ordem de R$ 20 milhões em sua divisão sucroalcooleira. É por essas e outras que os espanhóis querem pular fora dessa lavoura. O RR entrou em contato com a Abengoa, mas a empresa não se pronunciou.

 

 



QUARTA-FEIRA, 22 10 DE 2014

Finanças | 10:22

Roger Agnelli é o nome de Aécio para a Petrobras

Compartilhe:

Untitled-1O nome de Roger Agnelli (foto) está cotado para assumir a presidência da Petrobras em um eventual governo Aécio Neves.

 

 



QUARTA-FEIRA, 22 10 DE 2014

Finanças | 08:33

Roupa suja a Camargo Corrêa lava em casa II

Compartilhe:

Untitled-1Ao trazer a direção da Tavex para perto de sua vista, o alto-comando da Camargo Corrêa espera aprumar um negócio que tem sido mais problema do que solução. E não é por falta de aperto. Mudanças de gestão e programas de corte de custo passaram a fazer parte da rotina da companhia, mas sem surtir os efeitos desejados. A Tavex caminha para fechar no vermelho pelo quarto ano consecutivo. Se serve de consolo, as vendas deverão crescer cerca de 10%, contra uma queda de 15% no ano passado. Além disso, ao longo de 2014, a Camargo Corrêa conseguiu reduzir em aproximadamente 20% a dívida líquida da empresa, hoje na casa dos 230 milhões de euros. O RR entrou em contato com a Camargo Corrêa, mas a companhia não retornou.

 

 



QUARTA-FEIRA, 22 10 DE 2014

Finanças | 08:20

Roupa suja a Camargo Corrêa lava em casa I

Compartilhe:

Untitled-1Enquanto acompanha os desdobramentos da Operação Lava Jato, que ainda deve dar muito pano para manga, a Camargo Corrêa avança na reestruturação de seus negócios no setor têxtil. Após o fechamento de capital da Tavex nas bolsas de Madri, Valência e Bilbao, o grupo vai transferir para o Brasil o centro de decisões da fabricante de tecidos denim, sua controlada. Os planos incluem ainda o fechamento de uma das fábricas da companhia no exterior. A principal candidata à degola é a unidade da Argentina - as demais plantas internacionais ficam na Espanha, Marrocos e México. O mercado argentino passará a ser atendido pela produção brasileira. Aliás, uma boa notícia para os funcionários da Tavex no Brasil: ao menos por ora, a Camargo Corrêa não cogita a desativação de qualquer uma das quatro fábricas no país.

 

 



TERÇA-FEIRA, 21 10 DE 2014

Finanças | 17:30

Da latinha para a caixa de leite

Compartilhe:

Untitled-1A paranaense Spaipa, uma das maiores distribuidoras de refrigerantes da Região Sul, planeja entrar no setor de laticínios. O projeto passa pela construção de fábricas próprias.

 

 



TERÇA-FEIRA, 21 10 DE 2014

Finanças | 16:20

Sabesp está ameaçada de rebaixamento em seu rating

Compartilhe:

Untitled-1Além da falta de chuvas, outra ameaça paira sobre a Sabesp. No Palácio Bandeirantes, já se dá como certo o rebaixamento do rating da estatal pela Fitch.

 

 



TERÇA-FEIRA, 21 10 DE 2014

Finanças | 15:14

As memórias e amnésias de Caoa

Compartilhe:

Untitled-1O empresário Carlos Alberto de Oliveira Andrade (foto), do Grupo Caoa/Hyundai, procura um ghost writer para escrever suas memórias. Pena que dificilmente haverá um capítulo sobre suas frenéticas e tensas movimentações nos dias que antecederam a intervenção no Banco BVA.



TERÇA-FEIRA, 21 10 DE 2014

Finanças | 14:34

Transportadora na mira da ALL

Compartilhe:

Untitled-1Será que os R$ 8 bilhões de investimentos alardeados por Rubens Ometto (foto), novo controlador da ALL, incluem a compra da Transportadora Antônio Grossi? O grupo está interessado na compra da empresa gaúcha, que reúne uma frota de 150 caminhões.

 

 



TERÇA-FEIRA, 21 10 DE 2014

Finanças | 13:56

Castelar na lista de Aécio

Compartilhe:

Untitled-1Industriais, tremei! Na lista Aécio, um dos nomes cogitados para o comando do BNDES é o do economista Armando Castelar (foto), que já pertenceu aos quadros do banco. Castelar já disse ser favorável a cortar pela metade o volume de empréstimos do BNDES.



TERÇA-FEIRA, 21 10 DE 2014

Finanças | 12:33

O secreto voto de Eduardo Cunha

Compartilhe:

Untitled-1Durante recente reunião com a bancada do PMDB, ao ser perguntado sobre quem apoiará no segundo turno, o deputado Eduardo Cunha (foto) teria saído com a seguinte resposta: "Vocês ainda têm muito que aprender. Voto só se revela depois da eleição". Em tempo: o incógnito candidato de Eduardo Cunha agradece penhoradamente pela discrição.

 

 



TERÇA-FEIRA, 21 10 DE 2014

Finanças | 11:41

Apple aumenta produção no Brasil

Compartilhe:

Untitled-1Crise? Onde? A Apple negocia com a Foxconn o aumento da produção de iPhones e iPads no Brasil. No acumulado entre janeiro e agosto, as vendas cresceram 40%.

 

 



TERÇA-FEIRA, 21 10 DE 2014

Finanças | 10:49

BTG costura fusão entre Leader e Renner III

Compartilhe:

Untitled-1Para o BTG, não faz qualquer sentido ficar isolado em uma ilha chamada Leader. A permanência do banco no setor de varejo está condicionada a uma operação de maior escala. Mesmo porque os resultados da rede fluminense não têm sido dos mais estimulantes. A Leader tem sofrido com a queda das margens operacionais e a consequente redução dos lucros. No fim do ano passado, a empresa chegou a registrar um caixa líquido negativo da ordem de R$ 40 milhões. Não são números à altura do BTG.

 

 



TERÇA-FEIRA, 21 10 DE 2014

Finanças | 09:36

BTG costura fusão entre Leader e Renner II

Compartilhe:

Untitled-1Em maio de 2008, a Renner, de origem gaúcha, chegou a anunciar a compra da Leader, mas o negócio foi desfeito apenas cinco meses depois. Agora, caberia ao BTG voltar no tempo e reescrever esta história pelo avesso, desta vez concedendo à rede fluminense o papel de protagonista. A associação entre as duas empresas daria ao banco o controle de uma rede com mais de 300 lojas e faturamento anual acima dos R$ 6 bilhões. Ao mesmo tempo permitiria ao BTG comandar uma operação de abrangência nacional. Hoje, sua atuação no varejo é extremamente regionalizada. Com exceção de alguns poucos pontos de venda em Minas Gerais e no Nordeste, a Leader está quase que inteiramente concentrada no Rio de Janeiro. Já a Renner opera em 26 estados.

 

 



TERÇA-FEIRA, 21 10 DE 2014

Finanças | 08:22

BTG costura fusão entre Leader e Renner I

Compartilhe:

Untitled-1

A Renner amava a Marisa, que amava a Leader, que amava o BTG Pactual, que, no fundo, só ama a si próprio. Em meio às diversas possibilidades de enlace societário aventadas nos últimos meses, o banco tornou- se o príncipe consorte do varejo, personagem fundamental para o processo de consolidação do setor. Ainda ontem, sua alma gêmea atendia pelo nome de Lojas Marisa. As conversações prosseguem, mas, diante do impasse nas tratativas com a família Goldfarb, proprietária da companhia, o BTG tem trocado olhares cada vez mais insinuantes com a Renner. Em jogo, a associação com a Leader, rede controlada pelo banco de André Esteves. Na visão dos estilistas financeiros do BTG, comparativamente esta talvez seja uma operação até mais fácil de ser costurada. Ao contrário da Marisa - pertencente a uma família com história no setor e enorme dificuldade de abrir mão da posição de majoritária –, a Renner não tem um dono. Seu controle está pulverizado em mercado: o único acionista com mais de 10% do capital é o Aberdeen Management. Procurada pelo RR, a Renner negou a negociação. Já a Leader não se pronunciou.

 

 



SEGUNDA-FEIRA, 20 10 DE 2014

Finanças | 16:33

Cade deixa White Martins sem oxigênio

Compartilhe:

Untitled-1Vem mais chumbo grosso para cima da White Martins. O Cade tem recebido denúncias contra a empresa por supostas práticas abusivas e atos de concentração de mercado no setor de gases industriais. Formalmente, o órgão antitruste afirma que "até o momento" não há análise sobre o caso. No entanto, dados colhidos pelo Conselho indicam que, em algumas regiões do país, a subsidiária da Praxair já teria quase 70% de market share. Não custa lembrar que a White Martins levou uma multa do Cade de R$ 1,7 bilhão por formação de cartel.

 

 



SEGUNDA-FEIRA, 20 10 DE 2014

Finanças | 15:21

O homem que derrotou Aécio

Compartilhe:

Untitled-1O trunfo Fernando Pimentel (foto) extrapola as fronteiras de Minas Gerais. Nesta última semana de campanha, o governador eleito vai acompanhar Dilma Rousseff em eventos de campanha por todo o país. A ideia é aproveitar ao máximo a imagem do homem que derrotou Aécio Neves em sua própria casa.

 

 



SEGUNDA-FEIRA, 20 10 DE 2014

Finanças | 14:44

Petroleira chinesa investe mais US$ 1 bi no Brasil

Compartilhe:

Untitled-1Um indicador do apetite da CNOOC no Brasil. Sócia do Campo de Libra, a estatal chinesa teria reservado US$ 1 bilhão apenas para a compra de blocos já licitados.

 

 



SEGUNDA-FEIRA, 20 10 DE 2014

Finanças | 13:14

A nova aposta da Mirae

Compartilhe:

Untitled-1O conglomerado sul-coreano Mirae encabeça um grupo de investidores asiáticos dispostos a desembolsar cerca de US$ 300 milhões para a compra de ativos no mercado imobiliário brasileiro. Ressalte- se que a Mirae já está presente no país, por meio de sua corretora de valores.

 

 



SEGUNDA-FEIRA, 20 10 DE 2014

Finanças | 11:23

Malan rumo a Washington

Compartilhe:

Untitled-1Mais Aécio: desta vez a candidatura é para a Embaixada do Brasil em Washington. O nome não vem do Itamaraty. O provável escolhido é o ex-ministro da Fazenda Pedro Malan (foto). Como se sabe, Malan morou por muito tempo na capital norte-americana.

 

 



SEGUNDA-FEIRA, 20 10 DE 2014

Finanças | 10:39

Pedro Bodin no BC

Compartilhe:

Untitled-1Surgiu um novo candidato à presidência do Banco Central caso Aécio Neves seja eleito. Trata-se de Pedro Bodin, economista da PUC-Rio, amicíssimo de Armínio Fraga (foto) e dono de considerável fortuna construída no mercado financeiro.

 

 



SEGUNDA-FEIRA, 20 10 DE 2014

Finanças | 08:58

Hospitais acusam Unimed-Rio de atrasar pagamentos III

Compartilhe:

Untitled-1Cada um dos braços regionais do Sistema Unimed é uma empresa independente. No entanto, no imaginário da rede credenciada, a vinculação com outras "Unimed", notadamente a Paulistana, é inevitável. A empresa está sob regime de fiscalização especial da ANS há cinco anos. Alguns cooperativados tiveram de desembolsar até R$ 70 mil para cobrir prejuízos da operadora. O próprio modelo organizacional da Unimed ajuda a criar esta situação sui generis. À medida que os atrasos avançam, o cooperativado se torna não apenas sócio, mas também credor da empresa.



SEGUNDA-FEIRA, 20 10 DE 2014

Finanças | 08:17

Hospitais acusam Unimed-Rio de atrasar pagamentos II

Compartilhe:

Untitled-1A Unimed-Rio estaria deixando de honrar compromissos com toda a sua família corporativa, de clientes a médicos - embora, oficialmente, afirme que os pagamentos aos profissionais credenciados estão em dia. No último ano, a Unimed encerrou o histórico convênio com o Labs D´Or. Segundo o RR apurou, as relações com outro parceiro de longa data, o CDPI, também estão abaladas. A operadora está postergando o pagamento de exames à rede de medicina diagnóstica.



SEGUNDA-FEIRA, 20 10 DE 2014

Finanças | 08:12

Hospitais acusam Unimed-Rio de atrasar pagamentos I

Compartilhe:

Untitled-1Um grupo de redes hospitalares entrou com uma queixa formal contra a Unimed-Rio na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). A razão são os repetidos atrasos da operadora de planos de saúde no pagamento de exames e outros procedimentos médicos, que, em alguns casos, já chegam a cinco meses. O que mais irrita os conveniados da Unimed, de acordo com uma das fontes ouvidas pelo RR, são as estratégias, artimanhas e despistes usados pela empresa para descumprir os acordos.Segundo relatos, a operadora chegou a marcar quase uma dezena de reuniões para tratar do assunto, todas canceladas de véspera. Nas palavras do executivo de uma rede hospitalar, "coisa de gente pouco séria". A expectativa dos hospitais é que a ANS dê uma solução para o caso, seja intermediando as negociações para a quitação dos atrasados, seja, no limite, com a intervenção na Unimed-Rio. Procurada, a companhia afirma não ter recebido "qualquer notificação da ANS sobre o tema". A própria agência reguladora informou que "até o momento não há nenhuma notificação protocolada". No caso da ANS, entende-se o excesso de zelo diante de um assunto tão delicado. A fonte do RR, no entanto, garante que o pedido foi formalizado na segunda semana de setembro e assinado por cinco grupos hospitalares. A inadimplência não afeta apenas as unidades de saúde.

 

 

 

 



SEXTA-FEIRA, 17 10 DE 2014

Finanças | 17:59

Será que vai dar zebra?

Compartilhe:

Untitled-1O processo de venda da fabricante de sementes Coodetec para a Dow AgroSciences, anunciado em julho, recuou alguns hectares. Fontes próximas às duas empresas afirmam que os norte-americanos teriam encontrado alguns gafanhotos nas lavouras contábeis da cooperativa, notadamente em relação ao passivo. Procuradas pelo RR, as duas empresas não se pronunciaram.

 

 



SEXTA-FEIRA, 17 10 DE 2014

Finanças | 17:13

Novas denúncias atingem a Usiminas

Compartilhe:

Untitled-1No meio da roupa suja que está sendo lavada publicamente entre a Nippon Steel e a Techint, controladoras da Usiminas, surgiram agora denúncias de superfaturamento na venda de aço. Se forem confirmadas, é como se a Usiminas também tivesse seu Paulo Roberto Costa.